O que pode interferir no crescimento do seu cabelo?

A desaceleração do crescimento capilar costuma ser alvo de queixa entre mulheres, independentemente do tipo de cabelo. Isso porque a sensação de que as madeixas nunca passam do ombro afeta diretamente quem deseja manter o cabelo longo ou inovar no visual. Por outro lado, o problema relatado pode ter inúmeras causas. Diante disso, muitas se perguntam: "Meu cabelo não cresce, o que devo fazer?". Buscando facilitar a identificação das causas e o tratamento adequado para cada caso, listamos alguns fatores comuns que afetam o desenvolvimento dos fios.

Caspa ou oleosidade excessiva

A caspa e a oleosidade excessiva são, sem dúvida, algumas das maiores causas de bloqueio do crescimento capilar. Isso acontece pelo acúmulo de impurezas no couro cabeludo que entopem os folículos: o sebo, no caso da oleosidade, e células mortas, no caso da caspa. Assim, com os poros obstruídos, o crescimento das madeixas fica comprometido. Nesses casos, é importante escolher produtos para o cabelo adequados ao problema, como shampoo e condicionador de tratamento que auxiliam na limpeza diária e hidratação eficaz.

Estresse

O estresse é, também, uma das causas da queda dos fios e, portanto, do não crescimento do cabelo. Isso ocorre porque, nessas situações, o organismo humano não entende como prioridade a produção das madeixas. Assim, havendo maior demanda por vitaminas, o corpo utiliza os nutrientes que iriam para os fios e impede o seu desenvolvimento na região capilar. A queda de cabelo, inclusive, é um dos sintomas para identificar altos níveis de estresse.

Alimentação

Ao contrário do que muitos pensam, a alimentação pode ser um fator importante para o desenvolvimento e cuidado com o cabelo. Para entender o motivo, basta pensar que os fios são compostos por duas proteínas principais: melanina e queratina. A nutrição é a responsável por repor essas substâncias que mobilizam o crescimento. Por isso, uma alimentação equilibrada é indispensável. Lembrando que, em alguns casos, também é preciso investigar possíveis problemas de falta de vitamina ou baixa absorção dos nutrientes.

Procedimentos químicos

Por último, se você se questiona "por que o meu cabelo não cresce?", saiba que procedimentos químicos também costumam ser grandes vilões nesse sentido. Coloração, descoloração e alisamento, por exemplo, podem enfraquecer os fios. Como consequência disso, os fios são partidos com maior facilidade, o que compromete o desenvolvimento do cabelo em toda a sua extensão. Por isso, o ideal é que esses procedimentos sejam sempre feitos com profissional que oriente para o problema e realize reconstruções.

Talvez a pergunta "meu cabelo não cresce, o que devo fazer?" seja uma das mais comuns entre aqueles que desejam manter os fios longos ou inovar no penteado. O problema, como visto, pode ter várias causas e deve ser identificado individualmente para que seja possível tratá-lo. De qualquer forma, vale a recomendação de lavar o cabelo adequadamente com produtos personalizados para o seu perfil capilar e com frequência. Além disso, é importante manter os fios hidratados em todas as lavagens. O Meu Q te auxilia na criação de fórmulas personalizadas que vão evoluindo com seu cronograma e te acompanhando em cada etapa deste processo. Sempre que precisar, nosso time está à disposição para tirar todas as suas dúvidas. Aproveite para conhecer mais uma versão de você!


Fique por dentro de todos os posts

Obrigado por assinar!

Siga-nos no Instagram

  • Facebook
  • Instagram
  • Facebook
  • Instagram